Couve-de-Bruxelas

Brassica oleracea var. gemmifera

Brassica oleracea var. gemmifera

Nesse vegetal tão pequeno está uma fantástica concentração de vitamina C, maior que em muitas outras hortaliças, inclusive nos outros tipos de couve. É também uma boa fonte de vitaminas B e dos minerais enxofre e potássio. Colabora na boa dentição, formação dos ossos e gengivas e fortalecimento do sistema de defesa contra infecção. É importante para o metabolismo do fígado e das células da pele e para baixar o colesterol no sangue. Deve ser cozida em fogo lento, pouquíssima água e por pouco tempo, para não perder o sabor delicado e as propriedades nutritivas. O cozimento no vapor é o ideal. Depois de cozida, tempera-se a gosto para uso em saladas ou como acompanhamento de outros pratos. A couve-de-bruxelas também pode ser aproveitada em conservas.

Anúncios

1 Response so far »

  1. 1

    Daniela Christofoleti said,

    adoro couve de bruxelas mas que pena que na minha cidade nao encontro (piracicaba )


Comment RSS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: